-

+

Entregas em Condomínio: uma questão de segurança

Como deve funcionar a entrega de encomendas e mercadorias no Condomínio? Antes, cruzar com um entregador no elevador, corredores ou áreas comuns do prédio era uma situação bastante corriqueira. Tudo pela comodidade dos(as) Moradores(as).

No entanto, o conforto de receber os pedidos na porta de casa esbarra no quesito de segurança. O que pode ser feito? Atualmente Condomínios com grande fluxo de pessoas costumam solicitar a presença do(a) Morador(a) na portaria para receber, pagar ou assinar entregas.

Mas nem todos os(as) Moradores(as) aceitam essa condição. Alguns por estarem acostumados ao método antigo, por não querer descer, e até mesmo por preguiça mesmo. Mas a presença de desconhecidos pode colocar o Condomínio inteiro em risco.

As normas para recebimento de mercadorias devem estar previstas no regimento interno, convenção ou serem definidas em assembleia. Além dos(as) Moradores(as), o(a) Síndico(a) precisa deixar informados os funcionários sobre tais regras.

Porém a postura da maioria dos Condomínios é de não permitir a presença dos entregadores nas áreas comuns. A medida é uma forma de ter controle sobre as entregas e também preservar a segurança do local.

Muitos locais ainda não perceberam o risco que é a permissão de que entregas sejam feitas na porta das unidades. Nesses momentos é necessário que os entregadores sejam anunciados pela portaria. Aqui também cabe aos funcionários monitorarem o tempo de permanência dos entregadores dentro do Condomínio. Que seja somente o necessário para chegar até a unidade e sair.

Os Condomínios precisam de algumas adaptações que sejam um meio termo entre as duas possibilidades. Os especialistas recomendam que os entregadores fiquem do lado de fora. E ter um funcionário do Condomínio que os receba.

A segurança do local só será plena se as normas estiverem claras para todos. Sempre que houver alterações nas rotinas Condominiais, é recomendada a convocação de uma assembleia extraordinária para debater o tema.

Vale lembrar que mesmo nas encomendas pequenas, como de farmácia ou lanches, a presença dos entregadores não deve ser permitida dentro do Condomínio. É responsabilidade do(a) Morador(a) receber a encomenda.

Driblando a violência

 

 

A proibição de entregadores é uma atitude para coibir a violência. Pois a cada vez mais a ousadia dos criminosos surpreende. Muitas vezes eles entram disfarçados em Condomínios, e entregador é um disfarce bastante utilizado.

Não há nada completamente eficaz contra a ação de bandidos. Porém algumas medidas podem ser adotadas para minimizar riscos.

  • Se o(a) Morador(a) estiver esperando alguma entrega, ele deve avisar o porteiro. Isso evita que o porteiro receba entregas não solicitadas.
  • É o(a) Morador(a) quem deve ir até a portaria buscar sua encomenda e não o porteiro levar até a sua porta. Ele é um profissional de portaria e nela precisa estar para cumprir suas funções.
  • O cadastramento prévio de entregadores de estabelecimentos é uma ótima saída. Porém os dados precisam ser atualizados com frequência.
  • Apesar de estarem cadastrados, os entregadores ainda devem passar pela triagem da portaria, que sempre deve avisar o(a) Morador(a).
  • No caso de prestadores de serviços, estes devem ser identificados com a coleta de informações de documentos como RG, CPF, Nome Completo, e se possível, que acessem o Condomínio com horário pré-agendado.

Entrega de itens grandes

 

 

Quando se trata de uma pequena encomenda, o(a) Morador(a) pode retirar na portaria sem maiores problemas. Mas no caso de botijões de gás ou galões de água, que além de grande, são também pesados?

Estes itens, se ficarem na portaria, podem trazer transtornos aos(às) Moradores(as), principalmente se for uma pessoa idosa. Seria uma grande dificuldade levar o produto até sua unidade.

Para estas situações, o ideal é cadastrar poucas empresas, e permitir somente o acesso de seus funcionários ao Condomínio. Mas isso não substitui a verificação dos documentos e o acompanhamento do percurso nas áreas comuns.

Entrega de itens menores

 

 

Preferencialmente os entregadores de pequenos volumes devem se dirigir à portaria principal. A partir daí, os próprios porteiros armazenam e avisam aos(às) Moradores(as) destinatários.

Os porteiros, zeladores ou equipe de segurança devem cumprir a forma estabelecida pelo Condomínio para fazer chegar a entrega aos seus destinatários. Quando for uma encomenda que necessita pagamento, o(a) Morador(a) deve se responsabilizar e garantir que o valor necessário esteja previamente na portaria.

Com essas dicas é possível receber uma entrega de forma cômoda e segura. É preciso respeitar o que diz o regimento interno do Condomínio. Também é importante que as informações sobre normas e regras de entregas estejam disponíveis e claras para todos. Desde Síndicos(as), funcionários e Moradores(as) precisam estar cientes sobre seus direitos e deveres.

Posts relacionados

Conflitos Dia a dia

29/01/2020

Manual de etiqueta para bom convívio no Condomínio

Conflitos entre Moradores(as) no Condomínio frequentemente acontecem. Porém, é o tipo de coisa que poderia ser evitada com algumas simples atitudes. Mas será que existe algum manual de “etiqueta” para o convívio Condominial? A resposta pode ser ambígua, mas o que estabelece essa etiqueta é o bom senso. Algumas regras do Condomínio podem ajudar bastante […]

0

Assembleia Dia a dia

17/01/2020

O que é a Convenção do Condomínio?

Você sabe o que é a Convenção do Condomínio? Para ficar claro, ela funciona como se fosse a Constituição do local. A Convenção reúne as normas básicas para orientar um convívio social harmonioso bem como as regras de administração Condominial. É um documento que orienta como será a gestão do(a) Síndico(a) e organiza a vida […]

0

Dia a dia Segurança Condominal

14/01/2020

Segurança do Condomínio: Dicas para a portaria

A segurança é fator fundamental em qualquer lugar. O mesmo vale para o Condomínio. E nesse espaço onde vive muita gente, a chave para manter um ambiente seguro pode estar logo na entrada: a portaria. É por ali que entram e saem todos que têm acesso ao local. Moradores(as), funcionários(as), prestadores de serviço, etc. Mas […]

0

Conflitos +

4 semanas atrás

Manual de etiqueta para bom convívio ...

Conflitos entre Moradores(as) no Condomínio frequentemente acontecem....

Assembleia +

1 mês atrás

O que é a Convenção do Condomínio?

Você sabe o que é a Convenção...

Dia a dia +

1 mês atrás

Segurança do Condomínio: Dicas para a...

A segurança é fator fundamental em qualquer...

Comentários