-

+

Dicas para evitar a infestação de pragas no Condomínio

Ninguém gosta da presença de baratas, ratos, formigas e outros insetos no Condomínio. Mas a grande verdade é que eles existem. E o pior: se não forem tomadas as medidas certas, se proliferam.

O controle de pragas em Condomínio deve ser efetuado com alguma periodicidade. Principalmente na primavera e no verão, há maior incidência de infestações. mas os cuidados devem ser adotados também nas outras estações. As baratas, ratos e outras pragas se reproduzem durante o ano todo.

Como se trata de um local onde vivem muitas pessoas, os Condomínios precisam dessa constante vigilância. A proliferação de pragas pode ocasionar sérios problemas de saúde para os(as) Moradores(as).

Portanto cabe ao(à) Síndico(a) estar bem orientado(a) para evitar transtornos que comprometam o Condomínio ou mesmo a integridade dos(as) Moradores(as).

Não há uma lei federal que regulamente a necessidade da dedetização em Condomínios. No entanto, há um consenso entre os(as) Síndicos(as) de contratar serviços semestralmente. Período que pode barrar as infestações evitar muitos prejuízos ao e dores de cabeça aos gestores.

Pragas mais comuns em Condomínio

 

As pragas em Condomínios surgem principalmente pela presença de animais sinantrópicos. Ou seja, aqueles que se adaptaram a viver junto ao seres humanos. Porém estes bichos, diferentes dos domésticos, causam transtornos, prejuízos e doenças. Vejamos quais são as infestações mais comuns em Condomínios:

Baratas

 

Atraídas por matéria orgânica e gordura, as baratas vivem em bueiros, esgotos e caixas de gorduras. Também se escondem em armários, vãos em paredes e azulejos. Este inseto costuma aparecer mais pela noite, que é quando sai do esconderijo procurando alimentos.

Pombos

 

Os pombos comprometem a higiene do local e, muito pior, são transmissores de diversas doenças. Fazem ninhos em locais de fácil acesso a comida, água e também que ofereça proteção aos seus filhotes. Por isso geralmente escolhem os telhados.

Ratos

 

A sujeira é um banquete para estes incômodos roedores. No entanto, quando mais higienizado o local, menos risco de encontrar essa praga. Eles invadem os lares através de fendas em assoalhos, paredes e muros. Uma espécie que transmite a leptospirose, uma enfermidade que em alguns casos pode ser letal.

Como evitar pragas no Condomínio.

 

Um dos primeiros passos é conscientizar Moradores(as), visitantes e funcionários de alguns hábitos que podem atrair as infestações. Há medidas podem amenizar a presença destes indesejáveis intrusos.

Um dos principais hábitos destes animais é procurar por alimentos e abrigo fácil. Então essa é a primeira coisa que deve ser evitada.

Os espaços para coleta de lixo devem estar sempre limpos. Ali também deve ser evitado o acúmulo de entulhos. Preferencialmente que o lixo seja coletado em locais fechados e que seja respeitado os horários do caminhão de coleta.

Quando é o momento de contratar um serviço de dedetização?

 

Alguns Condomínios entendem que o ideal é contratar um serviço especializado em controle de pragas a cada seis meses. Porém, o acompanhamento mensal das áreas de risco também precisa ser avaliado.

O(a) Síndico(a) é responsável pela manutenção das áreas comuns. Caso ocorra por negligência uma infestação que traga danos a estes espaços, o(a) gestor(a) poderá ter que indenizar os Moradores(as).

Os cuidados com a Dedetização

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cuidados

 

Quando contratar este tipo de serviço, não esqueça que no Condomínio podem haver pessoas com alergias aos produtos utilizados no processo. Antes de iniciarem os trabalhos, informe a prestadora o que pode e não pode ser utilizado como veneno nas áreas comuns.

Geralmente estas empresas trazem linhas de produtos diferenciados para quem possui alguma sensibilidade. É uma maneira de garantir o bem-estar e evitar riscos de intoxicação ao final da dedetização.

Manchas

 

Os produtos de boa qualidade não produzem manchas em pinturas, móveis ou outros objetos.

Materiais

 

Peça para que a empresa faça a mistura do veneno na hora da aplicação. É uma maneira de ter certeza do que está sendo utilizado é um produto de qualidade.

Método

 

Cada uma das pragas exige uma metodologia diferente no seu combate. Há aplicações que são feitas em rodapés, telhados ou pisos. E também há diferenças entre os tipos de venenos que são usados.

Odores

 

Venenos de qualidade normalmente não têm fortes odores. Em muitos casos são até inodoros. Existem algumas empresas que pulverizam apenas querosene nos espaços, o que causa um forte cheiro mas não tem nenhum efeito no combate aos bichos e insetos.

Pets

 

Quando há animais por perto, a dedetizadora precisa tomar alguns contatos especiais. Principalmente com os produtos que serão utilizados. Já os donos de animais devem deixá-los afastados enquanto ocorre o serviço, evitando os riscos de intoxicação.

Validação

 

Fique esperto(a) com garantias muito longas. Geralmente fornecedores de produtos de dedetização de qualidade não oferecem mais do que 3 meses para controle de pragas.

Antes de contratar uma empresa, observe se ela cumpre todas as normas. É uma garantia de segurança a todos os(as) Moradores(as) do Condomínio.

Posts relacionados

Dia a dia

13/11/2019

O grupo de WhatsApp do Condomínio

Quem hoje não utiliza o aplicativo de mensagens WhatsApp que atire a primeira pedra! Com muita facilidade de comunicação, sem custos e imediato, o app oferece outras funcionalidades que vão além da simples troca de mensagens. Para a maioria dos casos é uma grande mão na roda. Mas será que é interessante usar a ferramenta […]

0

Dia a dia Gestão e liderança

08/11/2019

Relação entre Morador e Funcionário no Condomínio

Uma atmosfera de bem estar em um Condomínio pode iniciar a partir do relacionamento entre todos que ali vivem. Respeito, cordialidade, amizade são qualidades que indicam sempre para um convívio harmonioso. Principalmente, quando temos vizinhos bem próximos, manter uma relação saudável é um excelente atitude. E como funciona a relação entre os Funcionários e Moradores(as) […]

0

Dia a dia Gestão e liderança Saúde bem-estar em condomínios

06/11/2019

O que faz o zelador do seu Condomínio?

Uma participação indispensável nas rotinas do Condomínio. Ele é que fiscaliza, organiza e dá um jeito para que tudo ocorra conforme o planejado no dia a dia da vida Condominial. O zelador é peça chave na gestão de qualquer empreendimento, seja residencial ou comercial. Muitas vezes discreto, e sempre cheio de trabalho, o zelador é […]

0

Dia a dia

18 horas atrás

O grupo de WhatsApp do Condomínio

Quem hoje não utiliza o aplicativo de...

Dia a dia +

6 dias atrás

Relação entre Morador e Funcionário n...

Uma atmosfera de bem estar em um...

Dia a dia +

1 semana atrás

O que faz o zelador do seu Condomínio?

Uma participação indispensável nas rotinas do Condomínio....

Comentários