-

+

14/04/2019

Como harmonizar um único lugar com pessoas dos perfis mais variados?

Harmonizar, isto é, criar e manter boas relações entre os mais variados perfis de pessoas, que em comum têm apenas o compartilhamento de espaço num Condomínio, é algo extremamente desafiador.

Gerir diferentes interesses, estilos e comportamentos é uma das atividades mais difíceis na lista de atribuições de um (a) Síndico (a). Há, entretanto, uma dica valiosa para executá-la de modo mais fácil: “conhecer bem com quem se está lidando”, como detalha Renato Barbosa da Cunha, professor da Escola de Síndicos.

Para Cunha, esse é um cuidado essencial para que o (a) Síndico (a) possa planejar antecipadamente a forma de abordagem e a postura que terá com cada tipo de Condômino, em cada tipo de assunto a ser tratado.

Como conhecer cada perfil de Condômino?

Observação: esta é a palavra-chave para todo (a) Síndico (a) que almeja uma relação harmoniosa em seu Condomínio. “A observação não está somente na análise do comportamento de cada Condômino, mas também no ato de ouvi-los, buscando entender suas necessidades e motivações para agir, seja em prol ou contra a gestão Condominial”, destaca Cunha.

Ao criar esse canal de comunicação, o (a) Síndico (a) conseguirá perceber os diferentes perfis e, para cada um, elaborar uma estratégia.

“Há, por exemplo, Condôminos que agem mais com a emoção. Para estes é preciso certo cuidado, já que são pessoas geralmente simpáticas, mas que misturam o coletivo com o pessoal. Existem também aqueles que agem com a razão, que analisam detalhadamente as informações antes de votar ou tomar qualquer decisão. São Condôminos que vigiam, cobram, mas que também contribuem ativamente com a gestão, da mesma forma que os Condôminos que chamamos de ‘maduros’. São pessoas extremamente conscientes, dispostas tanto a ajudar na administração como a fazer as reclamações necessárias reclamações”, descreve o professor.

Perfis mais desafiadores

Na vida Condominial, também é certo que haverá perfis que desafiam a criação de um ambiente totalmente harmônico. Esses perfis são formados principalmente por Condôminos rebeldes e alienados.

“Os primeiros reclamam sempre, em qualquer ocasião, e jamais parecem satisfeitos. Demanda-se ao (à) Síndico (a) o cuidado de não se deixar envolver por esse clima de revolta, evitando levar as críticas para o campo pessoal. Já os alienados são formados por Condôminos que geralmente não opinam e não participam das tomadas de decisão, mas não deixam de reclamar, embora o façam por meio de terceiros, não diretamente para os (as) gestores (as) Condominiais”, afirma Cunha.

Sejam os Condôminos mais ou menos desafiadores, o professor Cunha orienta que Síndicos (as) sejam sempre imparciais em seus trabalhos. “Crie um bom ambiente com todos, de forma que cumpram igualmente o estabelecido. Deve-se evitar tanto punir os perfis mais difíceis quanto dar privilégios àqueles mais colaborativos. Essa isonomia garante uma administração do Condomínio justa e mais equilibrada”.

Dicas para gerir a relação no Condomínio:

– Conheça os diferentes perfis possíveis dentro de um mesmo Condomínio.

– Converse e ouça cada Condômino. Esse cuidado facilita a identificação.

– Observe cada Condômino de forma a categorizá-lo mentalmente.

– Para cada perfil desenvolva uma estratégia de atuação.

– Seja imparcial sempre, independentemente do perfil do Condômino.

 

 

 

Posts relacionados

Cobrança Economia

29/05/2019

O eSocial e suas vantagens nos Condomínios

Criado para unificar informações e simplificar a burocracia entre empregados e empregadores, o eSocial pode ser bastante útil para gestores e administradores Condominiais. Nas linhas abaixo, você poderá saber quais informações o eSocial reúne. Verá também como o programa pode ser aproveitado pelos Condomínios. O eSocial é um programa elaborado pelo Governo Federal. Por ele, as informações previdenciárias, trabalhistas e fiscais devidas pelos empregadores em relação a seus […]

0

Histórias de condomínios

13/04/2019

Como nasce um condomínio?

A concepção de um Condomínio se dá por meio de várias etapas e muitos desafios a serem superados. Exige conhecimento acerca da legislação, de finanças e, igualmente importante, da gestão de pessoas. O assunto é tratado nas linhas a seguir, com a contribuição da advogada Bruna Neubern, que esclarece as principais dúvidas e curiosidades sobre […]

1

Virei síndico, e agora?

12/04/2019

Previsão orçamentária: essencial para o Condomínio

Um dos principais aspectos da boa administração Condominial é o cumprimento da previsão orçamentária. Trata-se do planejamento financeiro do…

0

Cobrança

3 semanas atrás

O eSocial e suas vantagens nos Condom...

Criado para unificar informações e simplificar a...

Histórias ...

2 meses atrás

Como nasce um condomínio?

A concepção de um Condomínio se dá...

Virei sínd...

2 meses atrás

Previsão orçamentária: essencial para...

Um dos principais aspectos da boa administração...

Comentários